➡️ Segredo de Guerra

    Leitura: Gênesis 39.1-10

    “…ele se recusava a deitar-se com ela e evitava ficar perto dela” (Gn 39.10).

    Como vencer as tentações? Preocupação importante de quem tem compromisso com Deus. As tentações são armadilhas espirituais de Satanás para derrubar os filhos de Deus. Seu interesse é que, como cristãos, tropecemos e interrompamos a comunhão com Deus. José, foi um homem de Deus que passou por terrível tentação. Era filho de Jacó e Raquel. De forma aterradora José foi parar no Egito, vendido como escravo a um grupo de ismaelitas pelos próprios irmãos. Mais tarde, foi comprado por Potifar, um egípcio importante, oficial do rei. José te-ria todas as razões do mundo para ser revoltado com Deus.

    Longe da família, fora vendido duas vezes, como uma mercadoria e ainda teve que assumir responsabilidades de peso diante de Potifar. Todavia, José se mantinha fiel ao Senhor. A esposa de Potifar era bonita e, pelo jeito, gostava de provocar José, insinuando-se a ele. Tentação como assédio sexual. Mas, isso seria pecado contra Deus, além de representar quebra de confiança. Então, José resistiu.

    Como fez isto? Orou para a tentação ir embora? Cantou um hino para ocupar sua mente? Não! Primeiro, recusou-se a deitar com ela. Isto é “decisão”. Depois, José evitava ficar perto dela. Isto é “ação”. Estas atitudes levaram José vencer a tentação e ser vitorioso na vida. Assim nós também, podemos vencer a tentação, pronunciando a palavra-chave “não”. A outra atitude é evitar o local onde a tentação se materializa. Evite desafiar a si mesmo, frequentando os locais onde o perigo é maior.

    Hoje, Cristo nos oferece Sua força para nos ajudar a vencer. A vitória conquistada a cada dia, nos fortalecerá na fé.

    As guerras são vencidas ganhando-se um combate de cada vez.

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *